Como economizar combustível: esqueça a banguela e outras dicas para o carro ‘beber’ até 40% menos

A maneira como conduzimos pode economizar até 40% de combustível. Por isso, se você tem “pé de chumbo”, melhor repensar as atitudes, ou suas chances de ter pane seca vão crescer.

Se o trânsito permitir, tire o pé de cima do acelerador quando atingir a velocidade de 40km/h e mantenha o câmbio engatado. Assim, a injeção é interrompida, o bico injetor fica fechado e seu consumo vai praticamente a zero.

 

Na banguela, o motor mantém a injeção de combustível, assim com na posição neutra do câmbio automático.

Ainda sobre o câmbio automático, não se deve colocar a posição neutra (N) na estrada. Há um sistema de lubrificação que não funciona na posição neutra. Portanto, se andar em altas velocidades desta forma, você danificará o câmbio.

Fonte: Auto Esporte

 

Nissan R390 GT1 – Automóveis japoneses que ficaram esquecidos

No mundo automóvel existem inúmeras criações, das mais banais às mais raras, das mais simples às mais exuberantes. Desta fica aqui um top de veículos oriundos da “Terra do Sol Nascente” e menos conhecidos pelos entusiastas da área.

Nissan R390 GT1

O R390 GT1 tinha um peso de 1100 Kg, uma velocidade de ponta superior a 320 km/h e uma aceleração dos 0-100 em 4s. Isto na versão de competição. Já na de estrada, bem, na de estrada era virtualmente igual!

Com 4.7 metros de comprimento e dois metros de largura, era um monstro equipado com um V8 de 3.5L capaz de debitar 550cv, às rodas traseiras, através de uma transmissão sequencial de 6 velocidades. O design representativo do trabalho de Ian Callum, agora Chefe de Design na Jaguar, era fruto da reutilização de partes de outros projectos da Nissan, como os faróis do 300ZX, a par de tecnologias como o carbono, aplicadas no chassis, para reduzir o peso do máquina.

No entanto, apenas um foi fabricado, não tendo a Nissan procurado comercializar este modelo – o preço seria elevadíssimo o que dado o posicionamento da marca no mercado seria dificilmente vendável a potenciais interessados. Esta espécie singular repousa então solitário na sede da marca, em Yokohama, Japão.

Fonte: Motos24 (Leia o artigo completo)