Detran notifica donos de mais de 170 veículos que podem ir a leilão em três cidades do Acre

Detran notifica donos de mais de 170 veículos que podem ir a leilão em três cidades do Acre

O Departamento Estadual de Trânsito do Acre (Detran-AC) divulgou uma lista notificando donos de 176 veículos que podem ir a leilão em três cidades do estado. A lista foi publicada na edição desta segunda-feira (8), do Diário Oficial do Estado (DOU) e pode ser acessada a partir da página 24.

Conforme a publicação, os responsáveis têm 20 dias para fazer a retirada do veículo dos pátios dos municípios de Acrelândia, Sena Madureira e Senador Guiomard, com todos os documentos em dia. Após o prazo, os veículos vão a leilão.

No caso da cidade de Acrelândia, a lista contém 65 veículos entre carros e motocicletas. Já no pátio do Detran de Sena Madureira existem 68 veículos que podem ser retirados pelos proprietários e em Senador Guiomard outros 43.

Após a quitação dos débitos, os proprietários ou agentes financeiros responsáveis podem fazer a retirada dos veículos apreendidos. Em Acrelândia, a retirada ocorre no Pátio de Veículos Removidos do Detran, na Avenida Adenilson Rogério de Oliveira, no Centro da cidade.

No município de Sena Madureira, os responsáveis devem fazer a retirada dos veículos no Pátio de Veículos Removidos da 4ª CIRETRAN, na Rua Augusto Vasconcelos, no Bairro Cidade Nova.

Já em Senador Guiomard, os veículos podem ser retirados no Pátio do Detran que fica na Rua Hermes Batista Cavalcante, no Bairro Maria Fernandez.

Fonte: G1

Mais de 160 mil motoristas já tiraram a CNH Digital em Minas

Mais de 160 mil motoristas de Minas Gerais já aderiram à versão digital da Carteira Nacional de Habilitação (CNH). Segundo o Departamento de Trânsito de Minas Gerais (Detran-MG), o Estado está em 3º lugar no país no ranking de emissão das CNH’s eletrônicas.

A CNH Digital armazena todas as informações da versão impressa e tem o mesmo valor jurídico do documento em papel. Ela é acessível até mesmo sem necessidade de conexão com a internet. A apresentação do documento impresso ou digital é obrigatória e a falta dele gera multa de R$ 88,38, além de três pontos na carteira e a retenção do veículo, por isso.

Para emitir a CNH Digital, o condutor precisa ter o código bidimensional QR-Code (código de barras) da versão impressa. Dos 6,9 milhões de condutores, mais de 3,5 milhões já possuem a CNH em papel com QR Code e podem solicitar a versão digital da habilitação.

É necessário ainda fazer o cadastro no Portal de Serviços do Departamento Nacional de Trânsito (Denatran) e baixar o aplicativo gratuito “Carteira Digital de Trânsito”, disponível para celulares e tablets com sistemas operacionais iOS e Android.

Fonte: Hoje em dia